Suicídio…

titovich-pavel1130222

Titovich Pavel

Viver é um descuido prosseguido.
Mas quem é que sabe como?
Viver…
o senhor já sabe: viver é etcétera…

{Guimarães Rosa}

Abandonou sua alma
no mesmo esquecimento
que o corpo já padecia.
.
Depois, com certo desgosto,
pronunciou palavras inaudíveis
e lambeu, no canto da boca,
umas lágrimas que ali morriam…
.
Sentiu que o seu corpo
era o palco perfeito
para o suicídio dos sonhos…
.
Lançou-se no abismo de si
e nunca mais
foi vista de novo.

Anúncios
Esse post foi publicado em Poesia e marcado . Guardar link permanente.

6 respostas para Suicídio…

  1. fragafernanda disse:

    Intenso! que saudade da sua poesia! ❤

    Curtido por 1 pessoa

  2. João Gilberto Saraiva disse:

    Muito bom, me lembrou os de Mário de Sá Carneiro.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Marcos Silva disse:

    Morrer por amor é renascer de novo…

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s