Sinto a tua falta…

12279166_975314975848663_5587950662307802192_n

Desconheço a autoria da Imagem.

Vens às vezes no amor, e quase te acredito.
Mas todo o amor é um grito
Desesperado
Que ouve apenas o eco…

[Miguel Torga]

O meu sorriso ficou preso

entre as paredes do ontem…

 

Hoje, o vento traz a mornidade do dia

e eu padeço do calor do teu corpo,

das umidades que tecemos

quando nossas mãos estavam juntas

num laço de amor e desejo

(eterna cumplicidade de existir sendo,

nós dois, inexistentes aos olhos do mundo).

E eu sinto a tua falta.

 

O meu sorriso, sem ti,

cai aos pedaços por aí…

 

Fragmentado, se esvai no calor da tarde

enquanto espero por um aceno teu.

O meu sorriso, hoje, não está comigo

porque entende que o tempo,

esse carrasco antigo, voltou ao que era antes

– ao escuro abismo da distância e do silêncio –

e eu não sei lidar com essa espera.

E eu não sei estar no mundo sem ti.

Anúncios
Esse post foi publicado em Poesia e marcado . Guardar link permanente.

8 respostas para Sinto a tua falta…

  1. 0819claudiacap disse:

    EU NÃO SEI LIDAR!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Aprendemos por bem ou por mal a sobreviver com a ausência de nossa(o) amada(o)

    Curtido por 1 pessoa

  3. “O meu sorriso, sem ti,

    cai aos pedaços por aí…”

    Sorriso? Lindo demais.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s