.

januz-miralles-2

Janus Miralles

Deve haver algo que sustente em nós a palavra,
quando em queda habitamos o vazio

[Sândrio Cândido]

     Choro, incansavelmente. Um fio invisível de desespero me liga à essas lágrimas. Choro e não é um choro de ficção ou metáforas. Não é poesia. Choro, abraçada a mim mesma, no espanto de ser só eu e os meus ossos, a molhar o rosto, a encharcar as mãos. Dispo-me da humanidade que me persegue e, no escuro de mim, sinto-me bicho a espreitar os olhos da solidão. Somos feitas da mesma matéria insustentável. Apodreceremos juntas, de mãos dadas, nos encarando. Espero que isso nos traga alguma dignidade. Ela sabe das minhas fraquezas e, mesmo assim, me testa. Tece canções em meus ouvidos, de braços que eu não vou sentir ao redor de mim e de ombros que eu não poderei recostar a cabeça e descansar feliz. A solidão sabe da minha raiva e da inutilidade que esse sentimento expressa. Uma sombra a me perseguir, é o que ela é. Faz florescer no peito, rubra rosa tingida em dor. Alimenta o meu silêncio, enquanto sorri. E porque coexistimos, nada somos. Talvez isso nos baste. Sinto como se não pudesse mesmo existir sem esse vazio imenso. Tão enraizado se encontra o nada em mim que é difícil me definir alguma coisa longe dele. E tudo isso sinto, porque já não aguento sentir mais nada. Falso privilégio, este, de ter a alma no lugar da pele.

Anúncios
Esse post foi publicado em Prosa e marcado . Guardar link permanente.

9 respostas para .

  1. “Falso privilégio, este, de ter a alma no lugar da pele. Lindo e forte!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Lunna Guedes disse:

    E eu aqui a ler-te, tropeço em minhas andanças e agora não sei para que lado vou.
    Respiremos, amém

    Curtido por 1 pessoa

  3. mariel disse:

    Dizem que a solidão não se deve olhar nos olhos. Pode encantar

    Curtido por 1 pessoa

  4. Mariana Gouveia disse:

    Faltou-me o ar!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s