Meu lugar…

 

Michael Kenna

Michael Kenna

O silêncio é como uma pedra imensa,
encostada à garganta.

[José Agostinho Baptista]

Que importa a minha maneira torta
de construir caminhos?
Ando melhor pelas florestas.
Meu lugar é entre as árvores,
não entre as pessoas…
(Gosto de tecer ninhos).

O silêncio é meu companheiro fiel,
embora bruto, o meu melhor amigo.
Às vezes, come o meu coração pelas beiradas
e arranca-me, a pancadas, um grito surdo…
(É quando percebo que ainda vivo).

Anúncios
Esse post foi publicado em Poesia e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s