Arquivo da categoria: Cartas

Carta

{Mesmo implícita, tenho ânsias de escrever-te. Desenrolo-me em linhas, infinitos parágrafos, palavras-mito e cruéis verdades. Sou eu inteira, agora, em primeira pessoa do singular.}   ***      Estas palavras que te dou não são para serem lidas assim, num … Continuar lendo

Publicado em Cartas | Marcado com | 4 Comentários

A imensidão do teu quintal

O quintal ampara minha solidão, acolhe as dores que rompem as horas prolongadas no escuro. E a vontade de grito rasga o silêncio… [Mariana Gouveia]        Querida M. .       Preciso te contar um segredo: tenho visitado … Continuar lendo

Publicado em Cartas | Marcado com | 10 Comentários